quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Mudamos....

Ola! Depois de algum tempo que estivemos desactualizados, o nosso blog muda de casa, devido a algumas limitações do bloger. Encontramo-no agora no sapo, com o nome A brincar se aprende - http://abrincarseaprende.blogs.sapo.pt/
Visita e participa no blog..
Fica aqui o nosso e-mail:
. vitflor@sapo.pt
. tice.vitormelo@gmail.com

Lá continuaremos a partilhar contigo sugestões de livros, actividades, filmes, guias para o teu fim de semana, entre outras surpresas...
Espero que gostes da nossa nova casa.

Até já...

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Novidades...

Olá! Desde já peço desculpa pelo tempito que este blog tem estado desactualizado. Mas posso te dizer que em breve verás algumas mudanças neste blog, de forma a simplificar e melhorar algumas coisas...
Em breve verás as surpresas....

Boa semana....

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Minutos de Leitura para crianças...

Olá! Hoje trago-te aqui mais algumas novidades. Estas são para os mais pequenos.
Destaco a Editora Minutos de Leitura, que dedica a sua atenção às crianças, tendo editado diversos livros para crianças.

Deixo aqui a introdução que se encontra no site da Editora e que ilustra a importância que a editora dá aos mais pequenos....
"(...)Os nossos livros reflectem a inocência e a imaginação das crianças, através de temas com os quais elas se identificam, com muito humor e uma atitude desmistificadora dos seus medos, e, sempre, com ilustrações maravilhosas e imaginativas, ajudando assim os pais a educar e a comunicar melhor com os seus filhos. Queremos transmitir uma boa atitude!"

Agora deixo algumas sugestões de livros desta editora, seguidos de uma breve síntese do livro.

. "A baía do tesouro"

(algumas páginas do livro)



Síntese: "Da casa do Mestre Hildo vê-se o farol do Cabo Grande. “Porque pisca ele à noite?”, pergunta Pedrito. Um dia o Mestre desafia-o para uma viagem de barco até uma ilha abandonada. Ali, fala-lhe do farol, de histórias de barcos com piratas e... de um tesouro escondido.

A descoberta de uma pequena caixa com um mapa no castelo da ilha vai precipitá-los para uma grande aventura.

Será que vão conseguir descobrir o famoso tesouro?"

. "A estrela dos desejos"

(algumas imagens do interior do livro)


Síntese: O Ratinho Cinzento e o Ratinho Castanho são os melhores amigos do mundo; estão sempre juntos e partilham tudo entre eles. Certa noite, vêem uma Estrela dos Desejos muito cintilante a cair na direcção do lago. Os dois amigos apressam-se, rio abaixo, para a encontrar. Mas há um grande, grande problema: há apenas uma estrela, e ambos os ratinhos querem pedir um desejo . . .

- Uma história especial sobre a amizade e a importância de partilhar
- Estrela brilhante na capa e através do livro, adicionando ambiente às
lindas ilustrações.

. "O segredo de Laura"

(imagens do interior do livro)







Sintese: A Laura está metida num grande sarilho e está muito preocupada.

Quando ela e o irmão vão até ao parque para brincar com o seu papagaio novo, encontram o Bruno gabarolas e os seus amigos mauzões. Eles troçam do papagaio dos irmãos, que voava mal e caiu ao chão, partindo-se. O Bruno gabarolas desafia a Laura para uma aposta: se no dia seguinte o seu papagaio não voar mais alto que o dele, terá de lhe contar o seu segredo mais especial!... E nós sabemos qual é, não é verdade?

Só que o papagaio da Laura parece simplesmente não querer voar… Será que a sua amiga Estrela a poderá ajudar?

Depois destes três livros que te deixo como sugestão para pais e educadores adquirirem e lerem às crianças.
Todo esse dinheiro que for investido em livros, não é perdido. Pois a leitura de livros ajuda as crianças a estimuar a sua imaginação, as suas capacidades e a crescer.
Lembro que a maior parte dos livros que se encontram no site desta editora ronda os 10 euros.
Para quem não pode comprar livros por não ter posses económicas, lembro que todas as bibliotecas públicas ou municipais, oferecem às pessoas a oportunidade de poder levar livros para casa, a título de empréstimo por 15 dias no máximo. Dou exemplo da Biblioteca Municipal de Chaves, que cada pessoa residente no concelho de Chaves e com cartão da Biblioteca,pode levar para casa 3 livros por 15 dias e 2 dvd´s por 3 dias.
Ainda ficas a pensar...Ler é crescer

Ficam para terminar os contactos desta editora:
Minutos de Leitura - Edições, Lda
Rua Sacadura Cabral, 216-A, Loja 9
2765-349 Galiza - Estoril
Telefone: (+351) 21 468 74 39
Fax: (+351) 21 468 03 72
Email: geral@minutosdeleitura.pt
site - www.minutosdeleitura.pt
blog - http://www.minutosdeleitura.pt/blog/

Visita e site da editora e lá além de poderes viajar por cada história, podes também ver as surpresas que lá se encontram, (como imagens de fundo para computador, imagens para imprimir e pintar e outras coisas...).

P.S.: Em breve este blog terá outra imagem, haverá um link, de sites e blogs (onde poderás ver todas as editoras portuguesas e editoras estrangeiras que editam em Portugal, contadores de histórias, Bibliotecas Portuguesas e outros).
Caso tenhas alguma suugestão de livros, de jogos didácticos, ou queiras divulgar uma acção de formação para professores/animadores envia-nos tudo para: tice.vitormelo@gmail.com

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Oficina "Animação pela leitura – abordagem para mediadores"

Olá! Decorre durante esta semana na Biblioteca Municipal de Chaves secções de hora do conto, tendo como contatador o Mestre Filipe.
O Mestre Filipe, abordei à pouco tempo, aqui no blog, acerca do projecto onde ele está integrado - O contador de histórias.
Durante a semana irá haver duas secções de hora do conto de manhã e uma à tarde. A hora do conto é organizada no âmbito do projecto "Viver a escola", sendo que em cada secção de hora do conto, esta uma turma de uma escola do concelho que se inscreveu para assistir à hora do conto.

Além da hora do conto durante esta semana, na quarta e quinta em horário pós-laboral haverá uma oficina, que será orientada pelo Mestre Filipe.
A Oficina tem com tema: "Animação pela leitura - abordagem para mediadores."

Tendo por base a experiência do Grupo com os mais diversos públicos utilizando a poesia, o conto e a literatura em geral, esta oficina proporciona aos interessados uma visão acerca do uso do livro como ferramenta. Tanto para aqueles que trabalham na promoção do livro e da leitura como para os que pretendem apenas um outro recurso na tarefa de animar grupos esta oficina é um auxílio eficaz, dando pistas e criando novas perspectivas de trabalho.

Os principais destinatários são:

- técnicos de biblioteca
- professores
- educadores
- animadores

Através de duas sessões em horário pós-laboral, os participantes vão ficar a conhecer, por exemplo:

- obras que podem utilizar em diversas circunstâncias
- organização de espaços para acções de leitura
- técnicas de dramatização para conto ou poesia
- recursos
- como trabalhar com públicos não alfabetizados, especialmente crianças e idosos.

Durante a semana trarei aqui mais destaques sobre esta Oficina.

Até amanhã...

Filme em família....Amália

Olá! Ontém à noite tive a oportunidade de ir ver em família o Filme Amália ao cinema.
Eu pessoalmente gosto muito de Amália e das suas músicas e esta forma - o filme, foi mais uma oportunidade de relembrar a diva portuguesa representada em filme com grande qualidade.
Foram duas horas em que te todos não deram por perdidas...foi mais uma forma de se homenagear a grande diva Amália, ao recordar toda a vida de Amália em filme.
Deixo de seguida o trailler do filme Amália. Se ainda não viste este filme, então não percas a oportunidade de o ver em cinema ou em casa no teu dvd.




Até amanhã com mais novidades...

sábado, 31 de janeiro de 2009

Iniciativa dos CTT

Olá! Hoje apresento-te uma iniciativa dos CTT. Esta iniciativa já começou algum tempo e esta a ter sucesso. A inciativa consiste no seguinte: cada pessoa pode-se dirigir a um posto dos CTT e pedir uma caixa. Essa caixa tem uma parta onde se coloca uma cruz na instituição de nível nacional que quer ajudar. A ajuda não é monetária. POde-se colocar nessa caixa brinquedos e roupas, (dependendo para a isntituição que se vai ajudar, se tem crianças,a dultos ou idosos).
Depois de colocar as coisas que se quer oferecer na caixa, leva-se esta ao posto dos CTT e eles reuniem todas as caixas e vão directamente nos seus cameões entregar as ofertas das pessoas.
É uma ajuda simples e em que cada pessoa sabe exactamente que a sua oferta é entregue a instuições que precisam de ajuda, (de modo a dar a todas as pessoas que estão nessas instituições condições de vida).
Não te esqueças que a roua que tu já não precisas ou brinquedos que estão a ganhar pó lá em casa, podem ser úcteis a outras pessoas.
Não custa nada ajudar e esta ajuda, não pagas selos, nem cobranças nos CTT.

Até amanhã e bom fim de semana...

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Guia de Chaves - Feira dos Sabores e Saberes

Olá! Para terminar esta semana deixo-te um guia para o teu fim de semana. Este guia é de Chaves, um guia que já há muito tempo que não actualizava no blog, mas hoje passo a actualizá-lo, (sendo todas as sextas feiras o dia do Guai de Chaves...com algumas surpresas).
Hoje no guia de Chaves, apresento-te uma Feira que decorre neste fim-de-semana na cidade, mais concretamente no Pavilhão Municipal.
Aqui fica o cartaz da feira:



Nesta feira poderás encontrar os produtos regionais, tais como o presunto de Chaves, o fumeiro, os "famosos" pastéis, entre outros produtos regionais.
Durante a feira, haverá muita animação para todos....



Não deixem de vir a Chaves e visitar a Feia dos Saberes e Sabores.
Além de visitares e degustares os diversos "prazeres" que aí vais encontrar, poderás visitar o centro histórico, (que é rico em património e de grande interesse); as envolventes do Rio Tâmega, onde tem uma ciclovia paras as pessoas poderem andar, nas duas margens do rio; as Termas; entre outras coisas de interesse que poderás ver nesta bela cidade.
Não deixes de visitar.

Para chegar a Chaves é muito fácil e acessível:
- podes vir de autocarro, (nos autocarros daRede de Expressos, Auto Viação do Tâmega ou Rodo Norte, que tem ligações às principais cidades do país);
- ou podes mesmo vir de carro. Quer venhas de Vila Real, Porto ou do Litoral...tens ligação até Chaves pela Auto estrada - A24, que demoras pouco tempo a chegar aqui e é uma estrada segura.

Não faltam razões para visitares Chaves durante este fim de semana.
BOM FIM DE SEMANA e BOA VIAGEM ATE CHAVES....

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

A minha vida dava um livro...

Olá! Já alguma vez pensas-te que a tua vida dava um livro? Momentos da tua vida, coisas que se passaram e ficaram marcadas quer pela positiva ou negativa e que ate gostava que isso ficasse registado?
Se antes havia em muitas pessoas o costume de registar os seus momentos da sua vida num diário, agora vê-se pessoas a gravar esses moemntos num blog seu, ou ainda numa página de partilha de fotos, (como o Flirck, ou outro site); onde aí registam todos os momentos que guardam com "carinho" ou "saudade".
Apresento-te um projecto que tem como nome: "A minha vida dava um livro".
Este projecto editorial surgiu á pouco tempo, pela ideia de 3 pessoas: Sara Rodrigues, Ana Tavares, Mariana Oliveira.

"Amante incondicional da sua Vida e de todas as outras Vidas que merecem ser contadas, Sara Rodrigues, argumentista de profissão, quis oferecer a todos a possibilidade de celebrarem a sua Vida em livro – e não é esta a melhor forma de a eternizar?

Juntou-se-lhe Ana Tavares, com toda a energia que a Vida precisa, e também o bom gosto e a habilidade manual que o seu curso de arquitectura aperfeiçoou.

Juntas desenvolveram a ideia a que se juntou, por último, Marina Oliveira, com toda a sua experiência no campo editorial, comunicação e visão de marketing.

Estava definido o triângulo empresarial de O LIVRO DA MINHA VIDA, que reúne ainda a colaboração de uma mão cheia de outros profissionais que com elas tornam possível fazer, de cada projecto, o Livro da Vida de alguém."

Alguns dos livros que podem ser criados por esta empresa:
- O livro da minha vida
- O livro da minha família
- O livro da minha empresa
- O livro da minha escola
- O livro do meu filho
- O livro do meu casamento
- O livro dos meus avós
- O livro da minha mãe
- O livro do meu pai
- Outras sugestões

Passo agora a explicar-te como cada livro poderá surgir:
. O livro da minha vida

"Se acredita que a sua vida dava um livro, nós podemos dar-lhe forma e corpo e criar aquele que será o livro da sua vida. Com as suas histórias contadas na primeira pessoa e os testemunhos de todos aqueles que considera relevantes na sua vida, O LIVRO DA MINHA VIDA ficará para os amigos, família e gerações futuros como um marco de alguém especial que viveu de forma única.
Para surpreender_ Se quiser oferecer a alguém especial a hipótese de compilar as suas histórias, momentos, fotografias e memórias, O LIVRO DA MINHA VIDA tem a solução ideal para si. Um Pack Surpresa que contém um caderno, uma caneta e um CD (para guardar texto e imagens) e a hipótese única de trabalhar com alguém profissional na escrita do livro de uma Vida. O Pack engloba todas as instruções que o presenteado deverá saber para a posterior elaboração do LIVRO DA MINHA VIDA.
Existe ainda a hipótese de escrever o Livro da Vida de alguém sem que este alguém saiba que estão a preparar-lhe uma surpresa. Para isso, falaremos com familiares, amigos e colegas, e recolheremos fotografias, testemunhos e histórias que ilustrem a vida desse alguém especial, que mais tarde será surpreendido com o Livro da Sua Vida."

. O livro da minha família

"Se acredita que a história da sua família dava um livro e quer materializá-la para a deixar presente nas gerações futuras, podemos tornar o seu desejo realidade, com um livro à sua medida, construído à sua medida, com um design à sua medida, para fazer dele, sem dúvida, o LIVRO DA SUA VIDA.

Pode ainda optar por reunir a família e elaborar, em segredo, o Livro da Família desse alguém que se quer surpreender. Podem por exemplo juntar-se vários irmãos ou netos para oferecer o Livro da Família aos pais ou avós. Ou serem os pais ou avós a oferecerem o Livro da Família aos filhos ou netos."

. O livro da minha empresa

"Vivemos numa era globalizada, onde a informação viaja para os quatro cantos do mundo em tempo real, e as empresas perdem fronteiras físicas, para estarem em todo o lado, onde são precisas, quando são precisas. Mas vivemos também numa época em que, por ser tão fácil fazer tanto, tornaram-se mais importantes os pequenos gestos. A personalização. A diferença. Aquilo que torna uma empresa única e a diferencia das demais em termos de qualidade ou imagem.

Se acredita que a vida da sua empresa, o passado, o presente e os planos para o futuro, merecem ser contados e editados num livro para oferecer a todos aqueles que também acreditam ou se pretende que acreditem, nós podemos ajudá-lo.

Criamos livros à sua medida, com um design à sua medida e um orçamento também ajustado às suas necessidades."

Poderás conhecer melhor os outros livros que podes tu mesmo criar, através dos seguintes contactos desta editora:

E-mail_ geral@olivrodaminhavida.com
Telemóvel_91 585 55 33
Site: http://www.olivrodaminhavida.com/

Visita e porque não, tu lançares um livro teu da tu história de vida!?
UM BOM DIA para TI...

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

História sobre um velho professor...

Olá! Hoje trago-te um pequeno encontro de um velho professor com os seus antigos alunos. Creio que vais gostar pois é de lamber a” beiça”.

«Conta-se que um grupo de jovens licenciados, todos bem sucedidos nas suas carreiras, decidiram fazer uma visita a um velho professor da faculdade, agora reformado.

Durante a visita, a conversa dos jovens alongou-se em lamentos sobre a crise, o imenso “stress” que tinha tomado conta das suas vidas e do seu trabalho. O professor não fez qualquer comentário sobre isso e perguntou
se gostariam de tomar uma chávena de chocolate quente.

Todos se mostraram interessados e o professor dirigiu-se à cozinha, de onde regressou depois de alguns minutos, com uma grande chaleira e uma grande quantidade de chávenas, todas diferentes – algumas de fina porcelana outras de rústico barro, ou simplesmente de vidro ou de cristal, umas com aspecto vulgar e outras elegantes, mas caríssimas.

O velho professor disse aos jovens para se servirem à vontade. Quando já todos tinham uma chávena de chocolate quente na mão, disse-lhes: Reparem como todos escolheram as chávenas mais bonitas e dispendiosas, deixando ficar as mais vulgares e baratas... Embora isso seja normal, que cada um pretenda para si o melhor, é isso a origem dos vossos problemas e “stress”. A chávena por onde estais a beber não acrescenta nada à qualidade do chocolate quente. Na maioria dos casos é apenas uma chávena mais requintada e algumas nem deixam ver o que estais a beber.


O que vós realmente queríeis era o chocolate quente, não a chávena; mas centrastes conscientemente a vossa atenção nas chávenas melhores...

Enquanto todos confirmavam, mais ou menos embaraçados, a observação do professor, este continuou. Considerai agora o seguinte: a vida é o chocolate quente; o dinheiro e a posição social são as chávenas. Estas são apenas meios de conter e servir a vida.
A chávena que cada um possui não define nem altera a qualidade da vossa vida.

Por vezes, ao concentrarmo-nos apenas na chávena, acabamos por nem apreciar o chocolate quente que Deus nos ofereceu. As pessoas mais felizes nem sempre têm o melhor de tudo, apenas sabem aproveitar ao máximo tudo o que têm. Vivei com simplicidade. Amai generosamente. Ajudai-vos uns aos outros com empenho.
Falai com gentileza. E apreciai o vosso chocolate quente.»


O que é que esta reflexão te sugere?
Partilhas chocolate ou chávenas vazias? Dito de outro modo: partilhas vida à tua volta ou aborrecimento?

Como o professor, Deus dá-nos o chocolate da vida. A nós de o partilharmos com todos os que se cruzam connosco: simpáticos e menos simpáticos; amigos e indiferentes; pequenos e grandes. Pouco importa o feitio e a aparência das pessoas.

Partilha comigo as tuas ideias sobre esta história.

UM BOM DIA PARA TI...

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Visita Guiada pelo mundo da contadora de histórias Tânia

Apresento-te agora um pouco sobre a Tânia Silva.
Tânia Silva é contador de histórias. Já contou história para muitas crianças em diversas bibliotecas de todo o país, apresentando algum tempo "Os tapetes voadores".
Numa sala do conto de uma biblioteca, com um tapete que ela dispunha no chão da sala, e com outros materiais, surgiam assim as suas históricas "mágicas" que faziam com que as crianças se entusiasmassem a imaginação.

Porque conta?
Vem de longe, de quando eu era pequena e via que das maos da minha mãe saiam camisolas, toalhas, carapins e ao mesmo tempo da boca saíam-lhe histórias... Isso é tricontar, um ritual outrora reservado às mulheres e quase a perder-se. Hoje há três grandes forças na minha vida: as linhas, lãs e linhos; as histórias e muito carinho pelas nossas raizes. Textum quer dizer tecido, e eu Ariadne, eu Aracne, eu Penélope, eu uma das 3 Parcas. Conto porque vou tecendo a minha historia, a historia do meu povo, bordados com as palavras a os afectos.

Neste momento a Tânia está a tirar um Mestrado em Londres, de forma a enriquecer a sua formação e poder futuramente ajudar pais e educadores, através de formações que dê outro tipo de acções.

Fica aqui uma actividade feita pela Tânia em Santa Maria da Feira:

- "Quartas dos contos. Tertulia Castelense - dia 28 de Janeiro"



Historias de suspiros, caldeiradas e mulheres mal-comportadas

Elas vêm de todo o lado e todos os tempos. E ousam ocupar outros espaços na nossa imaginação.

Data: 28 de Janeiro
Hora. 22h30

Local:Tertúlia Castelense R. Augusto Nogueira da Silva, 779 Castêlo da Maia 4475-615 Avioso (Stª Maria) +351 22 982 9425
reservas e informações: info@tertuliacastelense.com

As Quartas de Contos sao um projecto iniciado em Maio de 2008 pela Contos da Carochinha em parceria com a Tertúlia Castelense. Coordenado e idealizado pela contadora de histórias Clara Haddad essa iniciativa visa promover e difundir ainda mais a narração oral e os contadores de histórias,bem como, seus diversos estilos de narrativa.Uma vez por mês o público terá oportunidade de ver e ouvir narradores nacionais e/ ou internacionais .

Ficam aqui alguns contactos da Tânia Silva:

- Blog: http://tricontando.blogspot.com/

E-mail: tricontando@gmail.com
00 44 (0)7511544494 (UK) 00 351 934101891 (PT)

Espero que tenhas gostado da visita guiada que te fiz pelo mundo da contadora de histórias - Tânia Silva.
Até amanha com mais novidades...

Workshop sobre escrita criativa

Olá! Decorreu na segunda durante o dia todo, (desde as 9 até às horas) na Biblioteca Muncipal de Chaves um workshop sobre a escrita criativa, orientado pela Tânia Silva.
Esse workshop era destinado a professores, educadores, bibliotecários e animadores. Todos os participantes do workshop ficaram satisfeitos e aprenderam muito com os jogos que foram fazendo durante o dia com a Tânia. Este workshop serviu para que nas escolas, jardins de infãncia e/ou bibliotecas se incentive o gosto pela escrita e pela leitura nas crianças, através de diversas formas.
Este tipo de iniciativas, (neste caso lançada pela B.Municipal de Chaves)são importantes para os professores, educadores e outras pessoas incentivarem ao gosto pela leitura. Pois a leitura é uma forma de estimular a imaginação das crianças e com isso faz com que elas se desenvolvam.

De seguida apresentarei o percursso da Tânia Silva, tal como alguns dos seus trabalhos.
Lembro que Tânia Silva já fez algums secções da hora do conto - Tapetes Voadores, em 2007, na Biblioteca Municipal de Chaves.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Fim de semana...

scraps para orkut

Envie um Bom Findi aos seus amigos. Clique aqui!
( Clique em continuar ao aparecer a mensagem.
RecadosOnline é um site seguro e não danificará seu computador! )



quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Parte III - Pequeno Dicionário sobre Darfur

Nesta terceira parte fica aqui um pequeno dicionário, com as principais informações sobre Darfur.

Sudão

POPULAÇÃO: 39 379 358 Hab. Grupos Étnicos: Negros (52%), árabes (39%) e beja (6%)

Índice de Desenvolvimento Humano: 141.º lugar (0,516)

EDUCAÇÃO : Taxa de Alfabetização Adultos: 59%; Línguas: Árabe (oficial), nubian e ta bedawie

RELIGIÃO: Muçulmanos (60%), Católicos: (12,39%); Religiões tradicionais (26,9%)


POLÍTICA

Capital: Cartum Divisões Administrativas: 25 estados

Poder Executivo: Chefe de Estado e Chefe de Governo (Umar al-Bashir)

ECONOMIA

Moeda: Dinar (SDD); PIB per capita: 2 300 dólares; PIB Taxa de Crescimento: 9,6%; População Abaixo da Linha de Pobreza: 40%

Recursos Naturais: Petróleo, ferro e cobre ; Terra Irrigável: 18 630 km2 (Área total: 2 505 810 km2 / Costa: 853 km)



SAÚDE

Taxa de Mortalidade Infantil: 91,78/1 000 nascimentos; Esperança de Vida à Nascença: 49,11 anos; Acesso a Água Potável – Saneamento Adequado: 69% – 34%; Médicos: 16/100 000 habitantes

TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES

Estradas Pavimentadas – Caminhos-de-Ferro: 4 320 km – 5 978 km; Telefones Móveis: 1 828 000; Estações de Rádio – Estações de Televisão: 13 – 3; Utilizadores de Internet: 2 800 000

Fonte: Dossier África- Revista Além Mar

União Africana (UA) - Fundada em 2002, é a organização que sucedeu a Organização da Unidade Africana e composta por 53 países. O organismo foi criado com o objetivo de ajudar no monitoramento internacional, na reconciliação entre os países africanos, na promoção da paz e no desenvolvimento do continente, especialmente no que se refere ao aumento dos investimentos estrangeiros por meio do programa Nova Parceria para o Desenvolvimento da África (New Partnership for Africa's Development - NEPAD). A atuação do órgão, ainda divide opiniões, principalmente, quanto ao sangrento conflito civil em Darfur, no Sudão, e à atual crise no Zimbábue.

É tempo de agir!!
Lembra-te que morre uma pessoa por segundo na região de Darfur devido ao conflito político.

Hoje decidi que iria divulgar este Projecto - "Por Darfur" devido à sua importância e à vontade que cada pessoa deve em poder ajudar. Ajudar não quer dizer só dar algum dinheiro. Podes verificar isso através das diversas formas que apresento aqui, que se econtra no site por Darfur, de ajudar.
Ficam aqui uns contactos para obteres mais informações:

Leonel Claro - tel. 229448317
CVJ - Missionários Combonianos
R. Augusto Simões, 108
4470-147 Maia

Lucília Zé Justino - tel. 962640105 / tel. 213 861 664
Amnistia Internacional
Endereço:
Av. Infante Santo, 42, 2º,
1350-179 Lisboa
Portugal
secretariado@pordarfur.org e aiportugal@amnistia-internacional.pt

Termino com o desejo que a mensagem que aqui deixei hoje te possa ser util, mas acima de tudo não esqueces este Drama social e que a resolução deste problema não pertence só ao Sudão...
Pensa nisto!

Até amanhã commais novidades...

Parte II - Educação e Recursos...

A segunda parte destina-se a mostrar a importância que tem a educação e os recursos para as pessoas que sofrem em Darfur.

Educação para a Paz e Desenvolvimento



A Campanha porDarfur convida a todos os educadores - pais, professores, animadores juvenis, catequistas - a utilizar estes materiais pedagógicos e a propor outras formas de sensibilizar as crianças, jovens e menos jovens, para solidariedade e a esperança que, com ela e através dela, se pode construir.

1. Recursos pedagógicos para pais e educadores



Título: Basta! – Acabar Com o Genocídio no Darfur e Noutros Locais Revoltados com a violência devastadora que atingiu o Darfur e outras zonas de África, o famoso actor Don Cheadle (actor de Hotel Ruanda) aliou-se ao activista dos direitos humanos e conselheiro de Bill Clinton, John Prendergast, para denunciarem o horror destas atrocidades. Num franco e esmagador relato revelam a sua experiência pessoal nas visitas ao Darfur e ao Norte do Uganda e relatam as histórias das extraordinárias pessoas que no terreno lutam para que os genocídios e outras atrocidades em massa sejam definitivamente banidos pela comunidade internacional. É possível pôr fim a estes horrores! Está também nas nossas mãos: a acção dos cidadãos em todo o mundo pode fazer uma diferença enorme na protecção e sobrevivência de comunidades e povos inteiros, vítimas desta violência. Gostaria de poder ajudar, de fazer ouvir a sua voz e não sabe o que fazer para intervir nessa tragédia distante? Este livro foi escrito para SI.



Desenvolvido pela União Europeia como recurso pedagógico para sensibilização das crianças para a cooperação com os países empobrecidos e/ou sub-desenvolvidos, a história de “Matias e Amadou” é útil também para informar os pais e educadores de uma realidade para a qual ainda estamos pouco alertados: as difíceis condições de vida em que crescem tantos seres humanos, ambiente propício para o fomento de guerras e ódios que afectam a Paz no mundo. Disponibiliza-se AQUI o livro para baixar e utilizar com as suas crianças.




"A sua assinatura vale mais do que pensa" é a mensagem do vídeo de sensibilização produzido pela Amnistia e vencedor da sua categoria na edição de 2007 do Festival de Cannes. Pode ver no site: www.pordarfur.org



A Campanha porDarfur cede o documentário "Darfur: chamamento à consciência" (cortesia do Canal Odisseia) para utilização pedagógica. Entre em contacto através do e-mail info@pordarfur.org.
Em preparação: guião pedagógico de acompanhamento (dinâmicas participativas para explorar o documentário em sala).



"Darfur is Dying" é o nome de um jogo de computador na Internet idealizado para sensibilizar os mais novos para o drama humano que se está a passar no Darfur.

A Campanha porDarfur conta com uma equipa de professores voluntários e formadores especializados em Educação para o Desenvolvimento que o podem ajudar a implementar actividades e iniciativas de solidariedade adaptadas à realidade da sua escola, grupo de jovens ou catequese.
Para colaboração pedagógica, sugestões, pedidos ou requisição da Exposição ou documentários contacte-nos preferêncialmente através do e-mail educacao@pordarfur.org.

Protejam o Darfur

Olá! Hoje partilho contigo um projecto que se intitula - "Protejam o DArfur".
Este projecto tenta divulgar o drama que se vive nessa região de África e formas de ajudar as pessoas que sofrem nessa região com o conflito que aí existe.

Parte I

Enquadramento



«O Sudão é o maior país de África e uma antiga colónia britânica que sofreu, desde praticamente a independência, uma guerra entre o norte (maioritariamente árabe e que tem vindo a ser governado por partidos que assentam a sua autoridade no crescente fundamentalismo religioso) e o sul (de população maioritariamente africana e um longo passado de exploração pelo norte relacionada com o comércio de escravos). Os acordos de paz assinados a 9 de Janeiro de 2005, em Naivasha - Quénia, deixaram em aberto a independência do sul, a decidir por referendo em 2011.

Sobre o Darfur

Darfur é uma região do tamanho da França, situada no oeste do Sudão, que antes da colonização inglesa era independente de Cartum.


Durante a guerra entre o norte e o sul, o exército de Cartum (norte) utilizou os jovens do Darfur como manancial de soldados africanos utilizados para combater os grupos armados do sul (muitas vezes através do rapto de crianças e jovens nas aldeias), mas a região foi relativamente poupada pela guerra e assistia até há pouco tempo a uma coexistência pacífica entre os pastores nómadas árabes e a população de etnia africana.

O genocídio

Desde 2003 que a população de etnia africana de Darfur sofre razias e morticídios que fazem parte de uma estratégia promovida pelo governo de Cartum com o apoio militar de países como a Arábia Saudita e a Líbia, apostados em impor a Charia e arabizar todo o norte do Sudão. Uma campanha de fomento do ódio étnico e racial, armando as populações de pastores árabes (politicamente mais fáceis de controlar e manipular por Cartum) e financiando as razias às populações africanas vitimou quase meio milhão de civis (!).

Ante os olhos passivos da comunidade internacional, o Governo de Cartum continua a patrocinar uma radical operação de limpeza étnica. Estima-se em mais de 3.000 o número de ataques a comunidades e aldeias destas milícias armadas e mantidas pelo governo (a uma média de cerca de 60 ataques por mês!). Todos os dias perdem a vida centenas de pessoas!

Observações.: Quer a população árabe, quer a africana falam o árabe e professam maioritariamente o islamismo.

Deixo aqui dois vídeos para melhor perceber a realidade de Darfur:

Nota: Este vídeo devido aos seus conteúdos não é adequado a crianças e pessoas sensíveis.



Darfur: o drama humano esquecido



Em apenas quatro anos, morreram no Darfur, vítimas da guerra, da fome ou da doença pelo menos 200 mil pessoas - os piores prognósticos apontam para 400 mil - na sua larga maioria civis indefesos.

Calcula-se que pelo menos 2,3 milhões de pessoas tenham sido obrigadas a deixar as suas casas e a procurar refúgio em campos onde estão totalmente dependentes das organizações humanitárias. Todos os dias morrem pessoas, a maior parte crianças, de todas as mais vulneráveis.

Apesar do Tribunal Penal Internacional ter declarado a existência de práticas de Crimes de Guerra e Crimes contra a Humanidade e da ONU ter reconhecido a existência de indícios de um Genocídio, a tragédia da província sudanesa do Darfur arrasta-se desde Fevereiro de 2003, debaixo dos olhos de uma comunidade internacional pouco consequente.

Os ataques às populações sucedem-se em redor dos próprios campos onde se concentram as populações deslocadas, não sendo garantida a sua segurança. As organizações de ajuda humanitária tem sido também alvos frequentes das milícias, que procuram paralisar a sua actuação, agravando ainda mais a situação de extrema debilidade de milhões de pessoas refugiadas.

Entretanto o sofrimento causado pelo conflito já ultrapassou as fronteiras do Sudão, com milhares de refugiados a fugirem para o Chade (gerando por sua vez um número de deslocados internos que ascende já a 200 mil) e para a República Centro-Africana, aonde continuam a ser perseguidos pelas milícias Janjauid.

A situação actual

A decisão da comunidade internacional do envio de uma força híbrida de Paz da ONU e da União Africana (UNAMID) para a região, tomada no passado dia 31 de Julho, muito embora tardia, vem finalmente trazer alguma esperança a estas populações.

A pressão da sociedade civil parece ser agora fundamental para conseguir a pronta articulação internacional e a mobilização dos meios humanos e materiais necessários ao rápido estabelecimento de um contigente que garanta a segurança na região.

Sabe-se que as milícias continuam a atacar e que cada dia de adiamento corresponde a muitas vidas que se perdem.

Como ajudar:

1. Reconstruir a Esperança

A população de Darfur precisa de ajuda urgente. É tempo de evitar mais perdas humanas devido à fome e às doenças causadas pela pobreza extrema e abandono que enfrentam muitos deslocados.
A UNICEF lançou um apelo e afirma que o enorme desafio de garantir a assistência necessária a mais de 3 milhões de deslocados, na sua maioria crianças, não pode ser ultrapassado só com as ajudas dos governos.
Há portugueses a trabalhar no terreno que arriscam a sua vida por solidariedade com os mais pobres e contam também com a sua solidariedade. A Campanha porDarfur quer apoiar, com a sua ajuda, os seguintes projectos concretos:

- Uma escola para Nyala
- Manter as escolas abertas.

2. Colaborar na sensibilização

A população de Darfur está a um passo de recuperar a segurança mas Força de Paz da ONU continuam sem os meios necessários para exercer convenientemente o seu mandato de protecção. É urgente que os governos apoiem esta missão destinada a parar o genocídio e salvar muitas vidas em Darfur. Dê a sua voz porDarfur, aderindo a uma ou várias das iniciativas abaixo propostas.

...Pode escrever uma carta a solicitar um maior compromisso de Portugal, a quem nos representa nas ONU, pela questão da defesa do Povo de Darfur e a renovação do nosso apoio às Forças de Paz. Sublinhe que está consciente da capacidade dos portugueses mobilizarem solidariedades internacionais, como já demonstrámos aquando da questão de Timor-Leste (e atendendo às relações próximas de Portugal com muitas nações).

...participar na "Campanha 24 Horas" (24 Hours) que enviará o seu alerta ou protesto (sob a forma de um vídeo) aos principais decisores e responsáveis mundiais.

...(NOVA): Escrever aos responsáveis da NATO a sensibilizar para a cedência dos meios aéreos urgentemente necessários para que a missão das Forças de Paz em Darfur (ver informação relacionada). Pelo correio (Allied Joint Command Lisbon; Estrada da Medrosa, 2780-070 Oeiras, Portugal) ou por e-mail: pao@jhlb.nato.int.

... aderir às campanhas e petições da coligação de organizações Save Darfur (em actualização permanente).

Campanhas que já se fizeram e que que foram bem sucedidas:

. Ainda não conhecemos o resultado de nenhum estudo sobre o assunto , mas tudo indica que as iniciativas dos portugueses dinamizadas pela Campanha porDarfur terão conseguido influenciar a "Cimeira Europa-África" (organizada pela Presidência Portuguesa da UE) e projectar alguma da atenção necessária para o drama do Darfur.

. A Cimeira contribuiu com mais apoios para a operação da EUFOR (forças militares europeias na zona de fronteira no vizinho Chade aonde se concentram milhões de pessoas em campos de refugiados também sujeitos aos ataques das milícias pró-governo sudanês) e "forçou" o presidente sudanês ao diálogo com os responsáveis europeus sobre a questão da não aceitação pelo Sudão do reforço dos polícias e militares da ONU para a protecção dos muitos campos de refugiados neste que é o maior país africano.

. A Avaaz lançou uma campanha de comunicação na região, publicando anúncios nos principais jornais, denunciando a política de terror do governo sudanês e pedindo que os governantes destes países ajudem Darfur e apoiem o TPI. A campanha em questão conseguiu reunir todos os apoios necessários!
A reacção do governo sudanês à iniciativa foi oferecer prémios e dinheiro para que os editores dos jornais que não publicassem os anúncios (o que em alguns casos conseguiu) mas a Campanha terá ainda assim contribuído também para que o governo sudanês encetasse um novo período de tréguas militares e negociações (entretanto terminado).

Para poderes ajudar monetariamente algumas das iniciativas que apresenti em cima, visita o site: http://www.pordarfur.org (entra no site e vai ao iten como ajudar e entra no projecto, como reconstruir a esperança).

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Sugestão de livros para adultos

Olá! Deixo-te agora algumas sugestões de livros para adultos, são diferentes livros, de autores portugueses e estrangeiros de grande qualidade.
Espero que gostes...



Crepúsculo
Autor:Stephenie Meyer
Editora: Gailivro
Sinopse: Primeiro Livro da trilogia 'Luz e Escuridão'. A respeito de três aspectos, eu estava absolutamente segura. Em primeiro lugar, Edward era um vampiro. Em segundo lugar, uma parte dele - e eu não sabia qual era o poder dessa parte - ansiava pelo meu sangue. Por fim, em terceiro lugar, eu estava incondicional e irrevogavelmente apaixonada por ele.



Os Detectives Selvagens
Autor: Roberto Bolano
Editor: Bertrand
Sínopse: Arturo Belano e Ulisses Lima, os detectives selvagens, procuram a pista de Cesária Tinajero, a misteriosa escritora desaparecida no México nos anos imediatamente a seguir à Revolução, e essa busca - a viagem e as suas consequências - prolonga-se durante vinte anos, desde 1976 até 1996, o tempo canónico de qualquer errância, bifurcando-se através de múltiplos personagens e continentes num romance onde há de tudo: amores e mortes, assassinatos e fugas turísticas, manicómios e universidades, desaparições e aparições. Os seus cenários são o México, a Nicarágua, os Estados Unidos, a França, a Espanha, a Áustria, Israel, África, acompanhando sempre os detectives selvagens - poetas «desperados», traficantes ocasionais -, os enigmáticos protagonistas deste livro, que pode ler-se como um refinadíssimo "thriller" wellesiano, atravessado por um humor iconoclasta e feroz. Entre os personagens, destaca-se um fotógrafo espanhol no último degrau de desespero, um neonazi "borderline", um toureiro mexicano reformado que vive no deserto, uma estudante francesa leitora de Sade, uma prostituta adolescente em fuga constante, uma prócere uruguaia no 68 latino-americano, um advogado galego ferido pela poesia, um editor mexicano perseguido por pistoleiros profissionais.Um romance extraordinário em todos os sentidos, que confirma a deslumbrante qualidade literária de Roberto Bolaño.



O Arquipélago da Insónia
Autor: António Lobo Antunes
Editor: Bertrand
Sínopse: Começamos por uma casa, pelo sentimento uma força em exercício, um poder que vem de há muito tempo, quando essa casa era igual mas era uma herdade, um latifúndio, quando nada faltava - a família, as empregadas na cozinha, o feitor, os campos, a vila ao fundo, e a voz do avô a comandar o mundo. Agora há fotografias no Alentejo em vez de pessoas, e há objectos, cientes que também acabarão sem ninguém, há memórias de quem dorme, ou morreu, mortos que não sabem se a vida foi vida, há os irmãos, um é autista, e a imagem da mãe muito nítida, sempre de costas ?(alguma vez a vi sem ser de costas para mim?)?. Nessa altura já não se sabia a que cheira o vento, como não se sabe para onde foi a Maria Adelaide, morta também, foi para Lisboa? A herdade foi tirada ao autista, e a doença (de quem?) é um arquipélago branco nas radiografias dos outros, um arquipélago normal, inocente. Estão todos mortos ou estão todos a sonhar e trocaram de sonhos, como se pudéssemos trocar de sonhos. De qualquer forma, sabemos que daqui a nada será manhã - mas aquilo que se disse ainda se ouve lá dentro ?(-Não precisa de se casar comigo menino o seu pai nunca casou comigo)?. E então vamos sabendo que não será manhã nunca.



As Esquinas do Tempo
Autora: Rosa Lobato de Faria
Editora: Porto Editora
Sínopse: Quando Margarida chegou à Casa da Azenha teve aquela sensação, não desconhecida mas sempre inquietante, de já ter estado ali.Margarida é uma jovem professora de Matemática. Um dia vai a Vila Real proferir uma palestra e fica hospedada num turismo de habitação, casa antiga muitíssimo bem conservada e onde, no seu quarto, está dependurado o retrato a óleo de um homem que se parece muito com Miguel, a sua recente paixão. Por um inexplicável mistério, na manhã seguinte Margarida acorda cem anos atrás, no seio da sua antiga família. Sem perder consciência de quem é, ela odeia esta partida do tempo. Mas aos poucos vai-se adaptando. Conhece o homem do quadro e apaixona-se por ele. Quando ele morre num acidente, Margarida regressa ao presente. Romance simultaneamente poético e fantástico, «As Esquinas do Tempo» é mais uma prova do indesmentível talento literário de Rosa Lobato de Faria.

Termino por hoje estas sugestões, espero que tenhas gostado destes livros de grandes autores...
Boas Leituras!!
Até amanhã...

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Google pesquisa de livros

Olá! Iniciou-se à pouco tempo no motor de pesquisa do google, em português, a possibilidade de pesquisa de livros.



http://books.google.pt

Ainda está a iniciar no nosso idioma, os portugueses não gostam muito de deixar reproduzir os seus documentos... mas o mundo avança. Fico a pensar na figura de velho que vou fazer daqui a 3 ou 4 anos quando disser algo do estilo: "no meu tempo os livros não estavam todos em linha! Era mesmo preciso ir a uma livraria ou a uma biblioteca das antigas!".

Fica o agradecimento do Google às Bibliotecas e Universidades:

Bibliotecas e universidades

Este acordo não teria sido possível sem a ajuda de todas as bibliotecas que preservaram estes livros e iniciaram, agora, uma parceria connosco para que muitos deles possam ser encontrados on-line. Estamos satisfeitos com o facto deste acordo criar novas oportunidades para as bibliotecas e universidades oferecerem aos respectivos patronos e alunos acesso a milhões de livros, para além das suas próprias colecções.

Além das assinaturas institucionais e dos terminais de acesso público gratuitos, o acordo também cria oportunidades para os investigadores estudarem os milhões de volumes no índice da Pesquisa de livros. Os académicos poderão dirigir-se a uma instituição e executar consultas de computador através do índice sem terem de ler os livros individualmente.

http://books.google.com/intl/pt-PT/googlebooks/agreement/

(informações in http://bibliotequices.blogspot.com/)

Visitem o http://books.google.pt e pesquisa o livro que já há muito andas à procura ou que ainda não viste na livraria da tua cidade.

Até amanha...

Livros do contador de histórias

Aqui ficam alguns livros do grupo: O contador de histórias.
Os livros que andam na mala do Contador e que recomendamos para ler ou contar.



Título: O Limpa Palavras
Autor: Álvaro Magalhães
Editora: Asa
Idioma: Português
Preço: 8,50 €



Título: 27 Histórias para tomar a Sopa
Autor: Ursula Wolfe
ilustração: Pablo Bernasconi
Editora: Kalandraka
Idioma: Espanhol



Título: O Circo da Lua
Ilustração: Marina Palácio
Autor: André Gago
Editora: Difel
Sinopse: Prémio Revelação 2000 de Literatura para a Infância e Juventude
Idioma: Português
Preço: 7,50€



Título: Mini Livros para sonhar
Autor: V.A.
Editora: Kalandraka
Idioma: Português
Preço: 8€
Esta última sugestão é uma caixinha pequena, que tem alguns livrinhos pequenos dentro,com histórias para sonhar.

Podem ver estes e outros destaques deste grupo no seu site:
- www.ocontadordehistorias.com
- http://historiasdocontador.blogspot.com/
- Email: geral@ocontadordehistorias.com
Telemóvel: 91 256 89 44
Morada: Apartado 139, 2304-909 Tomar

Espero que tenhas gostado desta viagem pelo contador de histórias e que agora começes a tua história...lendo um livro ou criando tu a própria história.

Amanhã apresentarei uma síntese do workshop que foi nesta segunda feira na Biblioteca Municipal de Chaves, (destinado a professores, educadores, animadores e bibliotecários) e que foi orientado pela Tânia Silva.

P.S.: Lembro que este blog é para mim uma forma de estimular as pessoas à leitura, (desde crianças, jovens, adultos e idosos), através da passagem por aqui de diversos livros para todas as pessoas, projectos como o que apresentei em cima, actividades que se vão fazendo para as crianças, (como bibliotecas, blogs e sites educativos e projectos sociais). Além de colocar também no blog pensamentos, projectos sociais e um guia de Chaves, (este que infelizmente está um pouco desactualizado...mas que em breve terei novidades para TI).
Conto contigo e com a tua participação no blog!!
Um bom dia para TI e BOAS LEITURAS!!

Mala do contador

Olá! Apresento-te um grupo que se intitula como:


Apresento-te de seguida um pequeno texto explicativo sobre quando surgiu, como funciona este grupo e o que é que faz.
"Desde muito cedo que Nuno Garcia Lopes e Filipe Lopes se dedicaram à área da literatura. Depois das participações individuais no suplemento literário DN Jovem do Diário de Notícias e das outras acções pontuais, decidem em 1991 iniciar um programa no pacato universo radiofónico tomarense. Inicialmente com apenas uma hora, à sexta-feira à noite, “Papoilas do Hospício” misturava os mais diversos estilos musicais com a leitura de textos escolhidos em função do tema semanal, mas sempre do agrado dos autores. O espaço era um momento de saudável loucura, irreverente e com performances variadas, incluindo a apresentação de folhetins radiofónicos humorísticos. Depois de três anos de emissões o programa terminou, tendo-se realizado um recital/espectáculo, na então Biblioteca Municipal de Tomar, em Maio de 1994, utilizando-se pela primeira vez o nome O Contador de Histórias.

Em Novembro de 1995, é publicado o primeiro livro com esta chancela. Em 1996 decorre o primeiro encontro literário Setembro – Poesia em Tomar, organizado pelo Contador, em parceria com a Câmara Municipal de Tomar, e que se prolongaria por quatro anos. No entanto, só em 1997 O Contador de Histórias surge como grupo artístico. Depois de uma série de recitais em locais diversos e mesmos inesperados (a sala de um convento, um átrio de hotel, uma sinagoga, etc), revelando frequentemente textos pouco conhecidos, o grupo enveredou igualmente pela vertente pedagógica, respondendo a inúmeras solicitações para públicos escolares.

A narração oral acabou por ganhar igualmente o seu espaço, fazendo jus ao nome do grupo, especialmente após os frutuosos encontros com os mestres António Fontinha e Delphim Miranda e a passagem pelas Palavras Andarilhas.
O Contador de Histórias tem participado em diversas actividades, frequentemente respondendo a convites que lhe são dirigidos. Destaquem-se a Expo 98, Fringe Tomar - Festival Internacional de Dança Contemporânea, Palavras Andarilhas e Dias Medievais de Castro Marim, além de centenas de iniciativas em escolas, bibliotecas, colectividades, feiras, empresas, etc.

Nos últimos anos o Grupo passou por alguns dos locais mais emblemáticos do país: Bedeteca de Lisboa, Fóruns FNAC, Livraria Ler Devagar, Livraria O Navio de Espelhos, Convento de Cristo... Já demos várias voltas a Portugal, por escolas e bibliotecas de Monção a Lagoa, da Figueira da Foz a Figueira de Castelo Rodrigo, de Castro Daire a Castro Verde, e pelas ilhas dos Açores e Madeira. Conheça aqui a opinião de quem já assistiu às nossas acções.

Temos vindo a especializar-nos, cada vez mais, no trabalho com grupos de características próprias, que fogem à norma dos grandes públicos. É o caso dos reclusos, com os quais, além de diversas actividades pontuais, foi desenvolvido o programa "A poesia não tem grades", em articulação com o Instituto Português dos Livro e das Bibliotecas, nos estabelecimentos prisionais de Sintra (masculino) e Tires (feminino). É assim também nas actividades de animação desenvolvidas em colaboração com a Fundação do Gil, em pediatrias hospitalares de Lisboa, Porto, Almada, Barreiro, Coimbra, Abrantes, Portimão, Setúbal, Matosinhos e Funchal, incluindo estabelecimentos especialmente sensíveis como Alcoitão ou o Instituto de Oncologia. Para os idosos desenvolvemos desde há vários anos, em vários concelhos do país, acções com o objectivo de dinamizar hábitos de convívio cultural.

As possibilidades de integração através da experimentação artística levaram também o Grupo a colaborar com a Comissão de Protecção de Crianças e Jovens em Risco, participando em algumas acções de formação de técnicos. O trabalho tem vindo a ser desenvolvido por uma equipa que integra elementos com formação nas áreas da psicologia e pedagogia, além de escritores, músicos, ilustradores e contadores de histórias."
O grupo é constituido por:
Arlindo Marques, Filipe Lopes, João Patrício e Nuno Garcia Lopes.

Ligado a este grupo surgiu também uma editora.
Começou por ser, tal como todo o núcleo, um projecto ligado à poesia. Depois do primeiro título, em Novembro de 1995, seguiram-se mais alguns a um ritmo de um ou dois por ano, até à decisão de apostar seriamente nesta área. Quanto à editora tem já uma livraria em Lisboa, onde qualquer pessoa pode ver todas a diversidade em obras.

Este grupo, tem diversas acções para diferentes "públicos-alvo":
- conto para crianças,
- conto,
- contos para idosos,
- recitais para crianças,
- recitais para jovens,
- oficinas para crianças e jovens,
- recitais,
- espectáculos,
- acções de sensibilização
- outros.

Este grupo de contadores já esteve em diversas bibliotecas em todo país, (continente e ilhas), estabelecimentos prisionais e outros locais.
Este grupo pelo que pude perceber no seu site funciona muito bem, pois são reconhecidos pelo seu trabalho em todo o país.
Lembro que em breve Filipe Lopes, (contador deste grupo) irá estar na Biblioteca Municipal de Chaves a contar história a crianças, durante uma semana. Em breve trarei mais pormenores acerca disto.
No post seguinte ficam algumas sugestões de livros deste grupo e os seus contactos.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Vida de Universitário vs Vida de Ex-Universitário‏

Olá! Como esta a ser a tua semana? Espero que esteja a ser bom. Para começara a semana, deixo aqui um pequeno texto, para descontrair, acima de tudo para te rires um pouco...começares bem a semana.

Ai que saudades....

Coisas que deves saber antes de entrar para a Universidade
1. Não importa a que horas é a primeira aula, vais dormir durante a aula;
2. Vais mudar completamente e nem vais notar;
3. Podes amar várias pessoas de maneiras diferentes;
4. Estudantes Universitários também mandam aviões de papel durante as aulas;
5. Só vais conhecer alguns dos professores no dia do exame;
6. Cada relógio do prédio tem uma hora diferente;
7. Se eras inteligente no secundário... a inteligência deve ter ficado
por lá;
8. Não importa tudo o que prometeste quando passaste no exame, vais às
festas da faculdade, mesmo que sejam na noite anterior ao exame;
9. Podes saber a matéria toda e o exame correr-te mal;
10. Podes não saber nada da matéria e tirar dez;
11. A tua casa é o ultimo lugar para visitar;
12. A maior parte do conhecimento que adquires é fora das aulas;
13. Se nunca bebeste, vais beber;
14. Se nunca fumaste, vais fumar;
15. Se nunca fizeste sexo, vais fazer;
16. Se não fizeres nada disto durante a faculdade, não o farás nunca
mais na vida, a não ser que andes de novo na faculdade;
17. Vais tornar-te numa daquelas pessoas que os teus pais te dizem para
não conhecer;
18. Psicologia é na verdade Biologia;
19.Biologia é na verdade Química;
20. Química é na verdade Física;
21. Física é na verdade Matemática;
22. Matemática continua a ser uma merda;
23. Ou seja: mesmo depois de anos de estudo, não vais saber nada e vais
acabar o curso a pensar que não estás preparado;
24. Vais descobrir que depressão, solidão e tristeza não são coisas de
quem não tem nada para fazer;
25. Vais prometer sempre que no próximo semestre estudas mais, prestas
mais atenção às aulas e vais a menos festas, mas vai acontecer sempre o
contrário;
26. Ter um zero é normal;
27. As únicas coisas que compensam na faculdade são os amigos que vais
fazer;
28. Não verás a hora de terminar a faculdade;
29. E quando acabar, perceberás que foi a melhor época de toda a tua vida.

OS SINAIS DE QUE JÁ NÃO ESTÁS NA FACULDADE:

1. Fazer sexo numa cama de solteiro é um absurdo;
2. Há mais comida do que cerveja no frigorífico;
3. 6:00 da manhã é a hora a que acordas, e não a hora a que vais dormir;
4. Ouves a tua música preferida num elevador;
5. Andas c/ guarda-chuva e dás a maior importância à previsão do tempo;
6. Os teus amigos casam-se e divorciam-se em vez de andarem e acabarem;
7. As tuas férias passam de 130 para 26 dias por ano;
8. Calças de ganga e sweet não são consideradas roupa;
9. Chamas a polícia porque o jovem vizinho não sabe como baixar o som;
10. Deixas de saber a que horas os snack-bars fecham;
11. Dormir no sofá dá-te uma puta de dor nas costas;
12. Nunca mais dormiste do meio-dia às 6h da tarde durante a semana;
13. Vais a farmácia comprar um remédio para a dor de cabeça e antiácidos
em vez de
preservativos e testes de gravidez;
14. Tomas o pequeno-almoço à hora própria;
15. Mais de 90% do tempo que passas em frente ao computador estás a
trabalhar;
16. Não bebes sozinho em casa, antes de sair, para economizar dinheiro
p/a noitada;
17. E o mais importante... Não tens tempo sequer de ler este e-mail e
aproveitar para passá-lo aos teus velhos amigos, para que eles se
lembrem que também estão velhos e os bons tempos da faculdade já eram...

O TEMPO PASSA DEPRESSA DEMAIS.... :-D

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Livro infantil - Onde está?

Olá! Como tem sido a tua semana? Neste últimos dias tem sido me sido um pouco dificil vir aqui e trazer-te novas notícias, devido a alguns trabalhos que tenho na universidade neste momento. Mas ainda deu tempo para vos trazer, um livrinho para os mais "pequenos".
O livro que te trago aqui é mais uma obra de grande qualidade, "trazida" para Portugal através da editora kalandraka e tem como título: Onde está?, é do autor Christian Voltz.



Onde está
Christian Voltz

Onde está? Debaixo desta pedra?
Nada!
Onde está? Atrás do tufo de pêlos?
Não!
Onde está? Escondido entre o arame?

Christian Voltz desenvolve nesta obra os conceitos de construção e desconstrução. A partir de uma estrutura repetitiva que se apoia em frases simples e recursos visuais acessíveis aos primeiros leitores, apresenta uma divertida história através da qual ensina a ver para além da aparência.

Até breve com mais novidades...

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Livros para crianças

Olá! Como foi a tua semana? Deixo-te aqui mais algumas sugestões de livros para crianças de uma editora que se dedica às crianças, tendo diversos livros de grande qualidade.
A editora que vos apresento é a Bruaá, é uma editora que surgiu recentemente em Portugal e tem sede em Lisboa.

Deixo-vos aqui uma breve síntese que descreve a editora, (estas informações estão no site da editora):
"Nós são laços apertados feitos de corda, cordel ou coisa semelhante, cujas extremidades passam uma pela outra, apertando-se.
Os marinheiros fazem dos nós uma arte praticada nos cabos, quer para unir os chicotes de um só cabo ou ainda para fixar separadamente um cabo a um dado lugar. As partes mais duras da madeira, assim como os pontos de inserção das folhas nos ramos ou no caule são também conhecidos por nós. Nos dedos, os nós ajudam-nos a contar os dias dos meses. Como medida de velocidade, um nó é equivalente a uma milha náutica por hora. Sabiam?

Isto são algumas das coisas que sabemos sobre nós. No entanto, se quiserem saber mais, teremos todo o gosto em falar mais sobre nós."

Aqui ficam algumas sugestões para os mais pequenos e pais, (pois são estes que compram estas coisas às crianças e qe lhes prporcionam belos momentos de prazer, ao contar as histórias às crianças).



Não admira que este livro tenha ganho o prémio da Feira de Bolonha para melhor livro na categoria Ficção. É uma daquelas obras aparentemente simples, cuja profundidade convida tanto crianças como adultos a reflectir sobre a grande questão: Por que é que estamos aqui?
Children’s Literature

Na capa, a criança de Wolf Erlbruch abre os braços, num sinal de interrogação, em cima de uma meia lua, que não é mais do que a Terra quando espreitamos a contracapa. Ela coloca a grande questão que nunca será enunciada: “Porque estou eu aqui na Terra?”
Em cada dupla página o autor dá respostas com humor, insólitas e ao mesmo tempo pertinentes. O número três responde: “Para saberes, um dia, contar até três”; a morte “Estás aqui para amar a vida”; o pato: “Não faço ideia”... depois vem a vez dos pais que alternativamente afirmam o seu amor: “ Porque a tua mãe e eu nos amamos”; “Estás aqui para eu te amar”
No final do livro, folhas pautadas são propostas à criança (e aos pais) de forma que possa, ao crescer, encontrar outras respostas à grande questão. Neste livro, a originalidade da ilustração encontra eco no texto conciso e pleno de emoção. Um grande livro de um mágico extraordinário. Leitura obrigatória que não pode esperar, para que pequenos e grandes possam responder a esta eterna pergunta!
Cendrine Genin - Sitarmag

Por que estou aqui ?

Digo a mim própria várias vezes que se os bebés conseguissem falar, todos eles poriam a mesma questão ao vir a este mundo : « Por que estou aqui ? ». De uma forma mais ou menos consciente, com mais ou menos facilidade, todos nós já colocamos esta questão ao longo da nossa vida. Podemos formulá-la de várias formas. Podemos até ficar um pouco inquietos com a angústia que ela nos suscita ou até mesmo tentar evitá-la. Mas será que a conseguimos evitar ?
Nos livros ilustrados, certos autores inventam histórias de vida. Histórias que nos falam para além da realidade, das palavras e das imagens… São estes livros que queremos partilhar com os mais novos, os mais crescidos e os adultos… Queremos ler em conjunto estas obras literárias que nos tocam na nossa dimensão humana. (…)
Neste livro, a grande questão não é colocada. Somente respostas aparecem nas páginas. Respostas dadas pelo irmão, pelo gato, pelo piloto, a avó, o homem gordo, a irmã, a morte, o marinheiro… e tantos outros, já que a vida nos reserva todo o tipo de encontros.
E como diz Albert Jacquard, tudo está no encontro. «O "jogo" vem dos outros. Nasce, eclode quando o outro diz "tu". É a humanidade que cria o "eu"». (…)
Uma das funções da literatura é, sem dúvida, ajudar-nos a construir o nosso ponto de vista sobre o mundo. Os nosso livros preferidos são aqueles que nos oferecem novas questões, novas visões, novos pensamentos…
«A grande questão» é um grande livro.
Dominique Rateau



Uma extraordinária metáfora da vida dada por um fio que corre, passando de página para página (desde a folha de rosto até à página final preenchida com o fio apanhado em meada), e que arrasta acontecimentos marcantes que constroem um ser na sua plena dimensão humana. Vida feita de alegrias e tristezas, mas com a espera sempre como elemento recorrente. O livro, e em particular a capa, tem o formato de um sobrescrito com janela, de onde sai a imagem de uma criança com olhar expectante; a partir daqui os vários momentos representados articulam-se de forma solidária e mostram ao leitor que há sempre um amanhã e que vale a pena acreditar no futuro. O modo sóbrio como se representam as personagens e a profundidade da expressão do traço do ilustrador, reforçados pela omnipresença do fio vermelho da vida, tornam este livro um objecto de arte de grandíssima qualidade.





Este livro é o mais conhecido do escritor e ilustrador norte-americano Shel Silverstein. O clássico, escrito em 1964, comoveu gerações com a história de uma árvore e um menino. Com poucas palavras, Silverstein fala da relação entre o homem e a natureza, onde uma árvore oferece tudo a um menino, que a deixa de lado ao crescer ao mesmo tempo que se torna num homem egoísta. Mas para agradar ao menino que ama, a generosidade desta árvore não tem fim - ainda que isto signifique a sua própria destruição.

Em primeiro plano, uma lição de consciência ecológica: o homem pequeno, mesquinho, frente à generosidade e à força da natureza. No entanto, a dinâmica que vemos entre o menino e a árvore fala também da passagem do tempo e dos valores que são reavaliados com ela. A árvore ensina, por meio do afecto, uma relação de troca sincera e desinteressada - essa que o homem parece desaprender com as exigências da vida adulta.

Duas fortes qualidades aliam-se neste livro. O facto de abordar questões fundamentais como o tempo, a morte, a vida, a relação amorosa e de amizade, tudo o que nos posiciona face aos outros e a nós próprios, assim como a aposta ao nível estético , na sobriedade narrativa como ilustrativa, com o traço simples e preciso de Silverstein.

Shel Silverstein lança um olhar terno à arte da dádiva e ao conceito de amor incondicional no seu profundo e tocante livro infantil “A árvore generosa”. É a história sobre a relação de um menino e uma árvore. Dar ao menino tudo o que ele quer é o que faz a árvore feliz, algo que se prolonga pela vida do menino. Primeiramente, a árvore é o sítio para o rapaz brincar e comer maçãs, mais tarde é fonte de material para construir uma casa e ainda mais tarde o seu tronco serve para fazer um barco. Chegado à velhice e depois de usar tudo o que árvore tinha para dar, o que sobra é um toco. No entanto, tudo o que ele necessita nesta fase da sua vida é um sítio para se sentar e descansar, algo que um velho toco pode oferecer. As ilustrações de Silverstein são aparentemente simples – desenhos que deixam as páginas com bastante espaço em branco – cada uma demonstra a subtileza da emoção e mudança que é ao mesmo tempo cativante e básica. A perda gradual das partes da árvore é uma mensagem visual bastante forte. Na fase em que da árvore não sobra nada a não ser um toco, a ilustração acompanha na perfeição as palavras “E a árvore ficou feliz... mas não muito”. “A árvore generosa” pode ser lida e relida, pois a sua mensagem irá concerteza mudar à medida que o seu leitor cresce. Um livro que irá marcar crianças durante gerações e gerações.
Beth Amos

Comovedora e agridoce história da desinteressada amizade de uma árvore por um ser humano.
Desde a sua infância, o menino joga às escondidas com a árvore, balança-se nos seus ramos, come as suas maçãs, passando pela adolescência, quando grava no seu tronco um coração, pela maturidade em que corta os seus ramos para fazer uma casa e finalmente a velhice, que fecha o ciclo vital, onde a àrvore, que se sentia feliz em troca de nada, já lhe tinha dado tudo...
Álbum pioneiro (a sua primeira edição em inglês foi publicada em 1964), assombroso pela sua economia de meios, já que a história se entende perfeitamente sem necessidade de ler o texto, só com as simples e expressivas ilustrações de traço negro sobre o branco.
Revista Babar

A história de Shel Silverstein toca tanto crianças como adultos com as suas mensagens de generosidade e partilha.
Los Angeles Times

(Este livro foi traduzido em mais de 30 línguas).
Para terminar ficama aqui os contactos desta editora para poder adquiri um dos seus livros:
Bruaá | Editora
Rua José da Silva Fonseca 47
3080-140 Figueira da Foz
Portugal

t. +351 938649027
f. +351 211454939
e. bruaa@bruaa.pt
site - www.bruaa.pt
blog - http://bruaa-editora.blogspot.com/

No site desta editora e também no blog, poderás comprar um dos livros que te apresentei hoje no blog.

P.S.: Lembro que eu não faço publicidade de editoras. Eu através do blog, dou algumas sugestões de leitura e como poder adquirir esses livrinhos.


Espero que tenhas gostado das sugestões de hoje e que te delicies com estes livros.
Boas leituras!!

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

G-Force - «teaser» - Filme infantil

Olá! Hoje trago-te aqui mais uma sugestão de filmes, este é dedicado às crianças.
Aqui fica uma pequena síntese sobr eo filme, seguinda do trailler do filme.



Jerry Bruckheimer, produtor de filmes musculados como «O Rochedo», «Cercados» e a série «Piratas das Caraíbas» aposta agora na comédia com «G-Force», sobre uma força de elite de… porquinhos-da-índia.

Nicolas Cage, Steve Buscemi e Penélope Cruz são algumas das vozes da nova produção de Jerry Bruckheimer, que funde imagem real com animação informática, à imagem de sucessos de bilheteira como «Alvin e os Esquilos» e «Scooby-Doo».
O filme chama-se «G-Force» e será o primeiro que produz a ser integralmente apresentado com a nova tecnologia de 3 Dimensões.

A história envolve uma força de elite de porquinhos-da-índia («G-Force» significa Guinea Pig Force…) especialmente treinada pelo governo norte-americano, que aceita a missão de deter um pérfido bilionário que quer destruir o mundo com utensílios domésticos.
O primeiro «teaser» acaba de chegar à internet e pode ser visto aqui.

O filme é produzido pela Disney e a marca a estreia na realização de Hoyt Yeatman, nome importante no campo dos efeitos visuais, que já trabalhou com Bruckheimer nessa categoria em filmes como «Armageddon», «Con Air – Fortaleza Voadora» e a comédia «Kangaroo Jack», com quem «G-Force» terá mais analogias.

O filme tem estreia marcada para Julho nos EUA e lá para o final deste ano, deve estrear-se nas salas de cinema em Portugal.



Espero que gostem desta sugestão e não percam a oportunidade de o ver, logo que aparece em Portugal....
Parece mais um filme de grande qualidade, com a marca da Disney.

P.S.: Se tiveres alguma sugestão de filme, livros, (quer para criança ou adultos), projectos sociais e outras coisas que achas que merecem ser divulgadas); envia para o seguinte e-mail: tice.vitormelo@gmail.com.

Até amanha...

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Os 10 vídeos mais vistos pelo Youtube em 2008

Olá! Hoje deixo-te aqui os 10 vídeos mais vistos no site do Youtube em 2008, (lista feita pela revista Time).
Espero que gostem....

1 - Onde está Matt?

Numa viagem de 14 meses, Matt Harding dançou em 42 países. A maior parte das vezes convidava as pessoas que passavam a juntarem-se a ele numa dança única.



2 - Western Spaghetti

Adam Pesapane simula a execução de uma refeição, em que os ingredientes são objectos que usamos no dia-a-dia, adaptados a esta funcionalidade.



3 - Christian, o leão

O relato de uma amizade entre um leão e dois homens. Depois da separação, o reencontro marcante entre um animal entregue à vida selvagem e os seus "donos".



4- Hamster num piano

Este vídeo mostra um hamster muito descontraído a comer uma pipoca em cima do teclado de um piano.



5 - Obama perde eleições

E se por um voto Obama perdesse às eleições? Neste clip falso pode ver o resultado da não votação de um homem e as suas consequências.



6 - Super Mario salva princesa

A partir do conhecido jogo Super Mario, o salvamento de uma princesa que se recusa a ser beijada pelo herói.



7 - Expert em eleições

Conselhos e dicas para fugir a assuntos políticos. Tudo o que pode fazer para que pensem que votou e que se importa realmente com as eleições.



8 - Menina de 3 anos e Star Wars

O discurso descontraído e súbtil de uma menina de três anos que sintetiza o filme Star Wars.



9 - Hip hop e eleições

Um grupo de jovens da Academia Ron Clark interpreta um hip hop alusivo às eleições americanas.



10 - Segurança a bordo

Um sketch do conhecido programa de televisão Mad tv sobre a segurança a bordo de um avião. Tudo se paga, até mesmo o cinto de segurança.



Espero que tenham gostado...
Boa semana

sábado, 3 de janeiro de 2009

Barbaridades no mundo....

Deixo-te aqui um vídeo, que me enviaram pelo e-mail, sobre barbaridades que fazem a animais na China.

Desculpem,mas eu não poderia ser indiferente a esta realidade tão cruel.


Pledge to go fur-free at PETA.org.

Podem perceber melhor esta realidade no site de uma Organização de defesa dos Animais - Peta: https://www.peta.org

PETA, ou People for the Ethical Treatment of Animals (Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais), com mais de dois milhões de membros e defensores em mais de 20 países, é a maior organização de direitos dos animais no mundo.

A PETA concentra a sua atenção em quatro áreas nas quais a grande maioria dos animais sofre mais intensamente durante períodos de tempo mais longos: em explorações de aprisionamento intensivo, laboratórios, comércio de vestuário e indústria de entretenimento. Também nos concentramos noutros vários problemas, inclusive na morte cruel de castores, aves e outros “animais de (des)estimação” e o abuso de cães de guarda.

A PETA trabalha no sentido da educação do público, em investigações sobre crueldade, pesquisas, salvamento de animais, legislação, eventos especiais, participação de celebridades e campanhas de protesto.

A PETA é uma organização de beneficência apoiada por donativos de pessoas, fundações e associações. Cerca de 84% do orçamento anual da PETA vai directamente para programas que lutam contra o abuso dos animais e salvamento das vidas destes.

Espero que percebam a minha razão de eu colocar este vídeo seguio da descrição da organização que defende os animais, que são maltrados pelo Homem.
Pensem bem nestas realidades do nosso mundo e lembrem-se para começar o ano, não devemos ser indiferentes a estes problemas causados pelo Homem.
Através de um donativo para esta Organização, (ver no site) pode dar um grande contributo na defesa dos animais e defesa da biodiversidade.
Pensem nisto!!

Bom Ano de 2009 para Ti com tudo de bom...
Amanha trarei mais novidades...para as crianças

P.S: Podem verificar sempre que entrarem no blog, um novo aspecto com a Rádio Comercial, no lado direito, (sempre que quiserem ouvir é só dar um clik em play e podes ouvir a Rádio Comercial em directo).
Espero que gostes desta nova apresentação. Em breve o blog será melhorado para te sentires melhor enquanto visitas e participas no blog.

Ano Novo...

Olá! Como foi a tua passagem d´ano? Espero que tenhas entrado bem no novo ano e que 2009 seja um ano de mais sorrisos para Ti, tal como para mim.
A minha passagem de ano foi muito fixe. Nesta passagem d´ano não sai de casa, passamos todos em casa, em família, (do qual gostei muito).
Na hora de jantar experimentamos desligara televisão e estar mais á vontade, tirar o centro das atenções da televisão e centrar na mesa...nas conversas na família.
hummm....foi mesmo bom, deixar por um pouco a televisão e falar á vontade, rir um pouco.
Coisas que hoje em dia, com a desculpa que há falta de tempo, em muitas famílias não se faz...falar...o centro é a televisão ou uma discussão terrivel.
Bem, mas voltando à minha passagem d´ano...depois do jantar que durou ate tarde, estivemos todos à volta da lareira a falra mais um pouco e depois com um bocadinho de televisão, (mas pouco).
Á meia noite, como é tradicional bebemos a Champanha, pedimos os desejos e fomos ver o Fogo de Artificio que ra lançado em várias zonas de Chaves...da´para a frente foi mais um bocadito de conversa e só mais tarde é que todos foram dormir...

Lanço-te o desafio a Ti e àtua família, de na hora de almoço ou jantar desligar televisão e simplesmente falçar em família. Que achas do desafio? Achas que consegues?

Partilha comigo as tuas ideias sobre este tema..
Até amanhã e bom fim de semana